Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pedidos de asilo em países ricos crescem 17%, diz ONU

O total de pessoas solicitando asilo ou refúgio em países industrializados cresceu 17 por cento no primeiro semestre, em comparação ao mesmo período de 2010, disse o Acnur (Alto Comissariado da ONU para Refugiados) esta terça-feira.

O total para este ano, segundo a agência, deve ser mais do que o dobro, e o maior dos últimos oito anos, refletindo em parte as crises do Norte da África, Costa do Marfim e Somália. De janeiro a junho, 420 mil pessoas solicitaram refúgio no mundo, contra 198,3 mil no mesmo período do ano passado.

Como nos anos anteriores, o maior afluxo veio de Afeganistão, China, Sérvia (incluindo Kosovo), Irão e Iraque, segundo o relatório semestral do Acnur, intitulado Níveis e Tendências do Asilo em Países Industrializados.

A agência salientou que a cifra só abrange solicitantes de refúgio – dos quais muitos acabam devolvidos aos seus países de origem -, e não os que efetivamente conseguem o benefício. O número também não inclui imigrantes, sejam legais ou não.

Os EUA foram o país que mais receberam solicitações no primeiro semestre, 36,4 mil, seguidos por França (26,1 mil) e Alemanha (20,1 mil). Uma exceção na tendência de alta foi a Austrália e a Nova Zelândia, onde o número de solicitações caiu de 6.300 no primeiro semestre de 2010 para 5.100 no semestre passado.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!