Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Papa pede aos angolanos que rejeitem a lei do mais forte

O Papa Bento XVI pediu aos angolanos que não aceitem a lei do mais forte ao desembarcar nesta sexta-feira em Angola, país que sofreu uma guerra civil entre 1975 e 2002.

“Amigos angolanos, a vossa terra é rica, vossa nação é forte. Utilizem estes privilégios para favorecer a paz e o entendimento entre os povos e incentivar a igualdade e a solidariedade que todos almejam e têm direito. Não à lei do mais forte”, pediu o Papa num discurso feito em português durante a cerimônia de boas-vindas no aeroporto de Luanda.

As palavas do Sumo Pontífice foram pronunciadas diante do presidente da república, Eduardo dos Santos.

“Infelizmente dentro das fronteiras de Angola ainda há muitos pobres. Não podemos esquecer a multidão de angolanos que vive abaixo da linha da pobreza absoluta. Precisam da solidariedade de todos”, destacou o Papa ao recordar que 70% dos mais de 15 milhões de angolanos viven na miseria pese as riquezas naturais do país.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!