Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pai e agente de albanês condenados por transferência irregular

O pai e o agente do albanês Lorik Cana foram condenados nesta quarta-feira a um ano de prisão com direito a condicional pelas irregularidades na transferência do jogador do Paris Saint Germain ao Olympique de Marselha em 2005.

O pai do jogador, Agim Cana, foi condenado a pagar multa de 100.000 euros pelo uso de documentos falsos, encobrimento e malversação, mas o inocentou das acusações de exercício ilegal da profissão de agente e de ameaçar um dirigente do PSG.

O caso aconteceu em 2005, quando o albanês, aCtualmente no Sunderland da Inglaterra, fez pressão para trocar o PSG pelo Marselha por não ser titular no time de Paris. Na negociação, o pai do jogador recebeu do agente do mesmo, Christophe Mongai, metade da comissão, 131.800 euros no total.

O agente foi condenado por uso de documentos falsos e encobrimento de malversação. Ele terá que pagar um total de 70.000 euros de multa, 50.000 indivudualmente e 20.000 por sua empresa.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!