Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Padrasto viola enteada de dez anos de idade na Beira

Um cidadão de 36 anos de idade, identificado pelo como sendo H.Armando, confessou ter violado sexualmente a sua enteada, de apenas dez anos de idade, na cidade da Beira. Segundo a vítima a sua mãe teria conhecimentos das violações mas permaneceu em silêncio cúmplice.

Os crimes aconteceram na residência da família no bairro de Chipangara na capital de Sofala e, contrariamente a versão do violador confesso que mencionou apenas ter cometido o acto em duas ocasiões, a menor afirmou às autoridades policiais que foi violada em seis ocasiões diferentes.

De acordo com a vítima, citada pelo jornal Diário de Moçambique, o padrasto aliciava-a com dinheiro e presentes mas acabava por usar a sua força para consumar os seus intentos sexuais que, em três ocasiões foram presenciados pela sua progenitora que nada faz para impedir os crimes e nem mesmo denunciar o seu parceiro criminoso.

Além dos testemunhos do criminoso confesso e da vítima testes médicos confirmaram as violações sexuais e levaram a detenção do criminoso.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!