Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Oklahoma alerta 7 mil pacientes sobre o risco de contaminação por HIV num dentista

As autoridades de saúde alertaram cerca de 7 mil pessoas que poderiam ter sido expostas ao HIV e outras doenças infecciosas num consultório dentário de Oklahoma, onde foram descobertos procedimentos impróprios de esterilização e instrumentos enferrujados.

A investigação teve início depois que um paciente do doutor Wayne Scott Harrington, de Tulsa, foi diagnosticado com hepatite C e HIV, o vírus causador da SIDA, segundo uma queixa registada contra o cirurgião dentista.

Quando foi determinado que o paciente não estava envolvido em comportamentos associados a doenças transmissíveis pelo sangue, os investigadores foram ao consultório de Harrington e encontraram uma série de violações, segundo a queixa feita pelo Conselho de Odontologia de Oklahoma, Terça-feira.

A magnitude das supostas violações e o número de pacientes envolvidos são “sem precedentes”, disse Susan Rogers, directora-executiva do Conselho de Odontologia.

Segundo a queixa, ampolas e agulhas eram usados diversas vezes em pacientes diferentes, causando risco de contaminação. Um conjunto de instrumentos utilizado em portadores de doenças infecciosas parecia enferrujado.

Harrington, de 64 anos, entregou a sua licença profissional e está a cooperar com as investigações, segundo as autoridades. Ele tem trabalhado em Tulsa e mantém um consultório num subúrbio por cerca de 35 anos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!