Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Número de mortos por incêndio em edifício de Londres sobe para 12 pessoas

Subiu para 12 o número de pessoas que morreram no incêndio que destruiu um edifício residencial de Londres nesta quarta-feira, e o número de vítimas pode subir, informou a polícia.

“Infelizmente confirmo que agora são 12 pessoas mortas, que nós temos conhecimento. Esse será uma operação longa e complexa de recuperação e eu antecipo que o número de vítimas irá infelizmente aumentar para além desses 12”, disse o comandante da polícia, Stuart Cundy, a repórteres.

Mais de 200 bombeiros, apoiados por 40 camiões, lutaram durante horas para debelar o incêndio, um dos maiores já vistos na capital inglesa.

O edil de Londres, Sadiq Khan, disse que o incêndio levantou questões sobre a segurança de tais edifícios, e a BBC informou que o desastre poderia adiar o anúncio da primeira-ministra, Theresa May, sobre um acordo parlamentar para permanecer no poder.

Alguns moradores gritaram por ajuda pelas janelas de andares superiores do edifício, enquanto outros tentaram jogar crianças para local seguro, à medida que as chamas se alastravam para os cerca de 120 apartamentos.

Os bombeiros disseram que resgataram 65 pessoas –algumas de pijama– do prédio de 43 anos voltado para a baixa renda, mas localizado na região nobre de Kensington.

“Pudemos ver muitas crianças e pais gritando ‘Ajuda! Ajuda! Ajuda!’ e colocando as mãos na janela e pedindo para ajudá-los”, disse a testemunha Amina Sharif à Reuters.

A causa do fogo não foi identificada de imediato. O serviço de ambulância disse que 68 pessoas estavam sendo atendidas em hospitais, sendo 18 em estado grave. Mais de 16 horas após o início do incêndio, as equipes de resgate ainda estavam tentando apagar as últimas chamas enquanto se esforçavam para chegar aos andares superiores.

Recentemente a torre de apartamentos passou por uma reforma de 8,7 milhões de libras que incluiu um novo revestimento externo, a substituição de janelas e uma nova fachada. Colunas de fumaça negra foram vistas sobre a capital britânica durante horas depois que o incêndio começou.

Moradores fugiram por corredores repletos de fumaça ao serem despertados pelo cheiro de queimado. O Corpo de Bombeiros de Londres disse que o fogo envolveu todos os 24 andares a partir do segundo, e surgiram relatos de que alguns residentes saltaram das janelas para escapar das chamas.

Uma mulher perdeu dois de seus seis filhos ao tentar fugir do prédio, segundo uma testemunha. Outras testemunhas falaram de crianças, incluindo um bebé, que foram lançadas pelas janelas de andares mais altos para serem salvas.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!