Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Novos confrontos na fronteira Índia-Paquistão deixam pelo menos 19 mortos

Índia e Paquistão totalizaram nesta terça-feira ao menos 19 mortes em combates através da disputada fronteira na Caxemira, onde os dois vizinhos com armas nucleares têm realizado bombardeamentos e disparos com pequenas armas de fogo.

As tensões sobre a região do Himalaia têm permanecido elevadas desde uma operação através da fronteira em Setembro contra uma base militar que matou 19 soldados indianos, o que levou o Governo de Nova Délhi a convocar “ataques cirúrgicos” de retaliação contra militantes islâmicos no Paquistão.

Um lado acusa o outro de violar repetidamente um cessar-fogo de 2003. Na frente diplomática, as relações já frias passaram a um congelamento após as recentes expulsões recíprocas de diplomatas.

Autoridades paquistanesas disseram que ao menos quatro pessoas foram mortas e cinco ficaram feridas em sua parte da Caxemira na segunda-feira, quando os dois arquirrivais trocaram fogo pesado na região paquistanesa de Nakyal, ao longo da Linha de Controle.

Seis pessoas foram mortas e 10 ficaram feridas em Nakyal e no setor adjacente de Tatta Pani na sexta-feira e no sábado, de acordo com o Paquistão.

No lado indiano da Linha de Controle, sete pessoas –incluindo três mulheres e duas crianças– foram mortas na terça-feira devido a bombardeamentos paquistaneses ao longo do sector de Ramgarh, em Jammu e na Caxemira, disse um policial à Reuters.

Na segunda-feira, um soldado indiano e um civil foram mortos ao longo da linha de controle da Caxemira no setor de Rajouri, segundo um porta-voz militar indiano.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!