Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

NBA Playoffs: Miami vence Boston na prorrogação e fica a uma vitória da final do Leste

NBA final da Conferência Leste: Comandado por LeBron e Wade

O Miami Heat viu a vaga na final da Conferência Leste ficar muito próxima na noite da última segunda-feira. Depois de ficar a maior parte do jogo atrás do placar, a equipa cresceu no fim e foi bem superior na prorrogação para derrotar o Boston Celtics por 98 a 90, fora de casa, e abrir 3 a 1 na série.

Agora, a equipa da Flórida tem a chance de garantir sua classificação nesta quarta, quando volta a jogar diante de sua torcida, no jogo 5 da semifinal de Conferência. LeBron James terminou como o grande nome do duelo, sendo o melhor marcador, com 35 pontos, além de pegar 14 ressaltos. Dwyane Wade marcou 28 pontos, e Chris Bosh conseguiu outro duplo-duplo para o Miami: 20 pontos e 12 ressaltos. Pelos Celtics, Paul Pierce foi o principal jogador, com 27 pontos e oito ressaltos. Ray Allen fez 17 pontos, e Kevin Garnett pegou dez ressaltos, mas anotou apenas sete pontos.

Mesmo depois de deslocar o cotovelo esquerdo no último confronto, Rajon Rondo entrou na partida como titular e ajudou o Boston Celtics a ter um bom começo. Depois de um lance livre convertido por Paul Pierce, a equipa chegou aos 9 a 2. O Miami Heat reagiu e chegou a empatar o duelo em 11 a 11. Comandados por Paul Pierce, com 14 pontos no quarto, os donos da casa viram sua vantagem subir para oito pontos. Mas, LeBron James, com 13 pontos, respondeu do outro lado para manter os visitantes no jogo: 31 a 28 para Boston no fim do período.

Sem jogar desde o dia 20 de novembro, Udonis Haslem voltou a atuar no início do segundo quarto, mas teve um retorno mau. Em três minutos em quadra, não acertou o arremesso que tentou, cometeu um erro e duas faltas, além de uma falta técnica. Enquanto isso, os Celtics abriram 11 pontos após um cesto de Delonte West (42 a 31). Mas a bola do Boston parou de cair com tanta facilidade e o Miami foi diminuindo a vantagem aos poucos. Até que, faltando 2m47s para o fim do primeiro tempo, LeBron James marcou seu 20º ponto em uma cravada para colocar o Heat na frente pela primeira vez (46 a 45). Os Celtics ainda conseguiram ir para o intervalo vencendo por 53 a 50.

Destaques no primeiro tempo, Pierce e LeBron sumiram na volta do vestiário e marcaram apenas dois pontos cada um no terceiro período. Chirs Bosh e Dwyane Wade passaram a aparecer para o Miami, que conseguiu a virada e abriu quatro pontos, a sua maior distância no jogo, depois de um afundanço do armador (63 a 59). Ray Allen e Jeff Green deram a resposta do outro lado. Com 14 a 6 nos últimos 4m30s do quarto, o Boston ficou mais uma vez na frente quando do cronômetro zerou: 73 a 69 para os Celtics.

Disputado ponto a ponto, o último quarto teve duas equipes nervosas e cometendo muitos erros. LeBron James voltou a aparecer muito bem, marcando 11 quartos no período e comandando o Miami, mas, a 19s do fim e com o jogo empatado, o ala deixou a bola escapar de sua mão e deu a última posse de bola para os Celtics. Mas aí foi a vez do Boston se atrapalhar. Garnett e Allen se embolaram, e Pierce teve que forçar o arremesso, que bateu no aro e não caiu: 86 a 86 e prorrogação.

Os donos da casa continuaram sentindo a pressão do confronto e seguiram cometendo muitos erros na prorrogação. O Miami Heat não. Mesmo marcado, Dwyane Wade acertou uma bola de três para fazer 93 a 86 para a sua equipa, com dois minutos no relógio. O Boston ainda tentou uma recuperação, mas, depois que Bosh deu um tampinha para marcar mais dois pontos e West errou um arremesso de três, a situação ficou muito complicada.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!