Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Movimento tribal vence eleições na Jordânia sob boicote islâmico

A Irmandade Muçulmana da Jordânia prometeu, esta Quinta-feira (24), mais protestos nas ruas por uma reforma eleitoral, depois da tranquila vitória dos candidatos governistas nas eleições boicotadas pelo grupo islâmico.

A TV estatal disse que a maioria das 150 vagas parlamentares em disputa no pleito da Quarta-feira foi conquistada por candidatos sem partido, com agendas políticas limitadas e dependentes de lealdades tribais e familiares, e não de apoios partidários.

O crescimento do tribalismo como uma força política na Jordânia tem coibido a ascensão de partidos nacionais e restringido a influência da Irmandade.

“Não vamos nos desviar das nossas metas. Estamos a continuar com o nosso caminho. A agitação popular nas ruas vai continuar até alcançarmos as nossas metas”, disse o vice-líder da Irmandade, Zaki Bani Rusheid.

A Jordânia tem tido nos últimos meses manifestações contra a corrupção, com críticas ao rei Abdullah, mas não na mesma escala das rebeliões que derrubaram governantes árabes nos últimos dois anos no Egito, na Tunísia e no Iémen, além de desencadearem guerras civis na Líbia e na Síria.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!