Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambola: super Chana marca cinco na primeira vitória do Ferroviário de Nampula; Maxaquene goleia Costa do Sol

Moçambola: super Chana marca cinco na primeira vitória do Ferroviário de Nampula; Maxaquene goleia Costa do Sol

Numa altura em que muito se fala da qualidade do futebol em Moçambique um jovem médio brilhou na segunda jornada do Campeonato Nacional de Futebol mostrando que o problema não será da falta de talentos. Chana é um nome do artilheiro da segunda jornada do Moçambola, e neste momento lidera a lista dos melhores marcadores da prova, mercê dos cinco golos que marcou na vitória do Ferroviário de Nampula sobre o Sporting da Beira por 5 – 2.

A jogar em casa a equipa de Mussá Osman entrou para o relvado para mostrar ao seu público que os problemas da época passada estão ultrapassados, e a derrota na estreia fora um precalço. Muito bem organizada a avalanche locomotiva começou a dar frutos no minuto 22 quando Chana inaugurou o marcador após um cruzamento da direita do ataque da sua equipa. Chana marcou mais dois golo na primeira parte, o primeiro no minuto 33 de cabeça em resposta a um centro tenso da direita, o médio emenda com o pé para primeira defesa do guarda-redes do Sporting e na recarga atira para o fundo das redes.

Cinco minutos depois Chana aparece no centro da àrea a emendar para o golo um centro da direita, depois de uma grande cavalgada do seu companheiro de equipa.

No regresso do intervalo o Sporting começou a dar o ar da sua graça, enquanto os locomotivas somavam oportunidades de golo desperdiçadas.Na sequência de um ataque dos leões da Beira o defensor Stélio rasteira um adversário e o àrbitro não teve dúvidas em assinalar o castigo máximo, e em expulsar o defesa locomotiva. Na transformação da grande penalidade o Sporting reduz a desvantagem.

Mas Chana estava endiabrado e, ao contrário dos seus colegas que desperdiçaram várias jogadas de golo quase certo, não falhou o quarto golo a passagem do minuto 80 aproveitando uma prenda do guarda-redes leonino que saiu dos postes para cortar uma bola lançada longa e não conseguiu dominar o esférico, Chana ganhou a bola ultrapassou o guarda-redes e com a baliza escancarada fez mais um golo para a sua equipa.

Mugene ainda reduziu para os leões da Beira mas Chana garantiu a goleada, mesmo depois do minuto 90. O médio arrancou para a baliza do Sporting é na grande àrea foi travado em falta. O jogador encarregou-se da marcação do castigo máxima e não falhou marcando o seu quinto golo no jogo, e o quinto golo da sua equipa. Sem dúvidas um record no futebol nacional.

Tricolores goleiam Canarinhos

No jogo grande da jornada o Costa do sol a jogar em casa foi incapaz de fazer frente ao Maxaquene e logo no segundo minuto de jogo colocou-se em vantagem através de um golo de Liberty, na transformação de uma grande penalidade. Ainda na primeira parte Betinho aumentou a vantagem para a equipa tricolor na sequência de um canto na esquerda.

No regresso dos balneários os tricolores vieram gerir o resultado e deixaram a iniciativa do jogo para os canarinhos que mesmo assim não conseguiram, ainda, mostrar melhorias em relação à péssima epoca passada. Em contra ataque a equipa de Arnaldo Salvado criava muito perigo, e numa das muitas oportunidades Manuelito sentenciou a goleada final.

 

Outros resultados

Na vila do Songo a equipa da Hidroeléctrica recebeu e venceu o representante de Inhambane, o Vilankus FC, pela marca mínima. Marlo foi o autor do golo à passagem do minuto 21.

Na cidade da Beira o Ferroviário local recebeu o Desportivo e os seus avançados desperdiçaram várias oportunidades de golo que poderiam ter dado a primeira vitória a equipa de Akil Marcelino. Um empate sem golo foi o resultado.

O recém promovido Incomati FC recebeu em Xinavane, 20 anos depois do último jogo do Campeonato nacional realizado nesta  vila do país, o Chingale de Tete e consolidou a sua posição de líder do Moçambola, em igualdade pontual com o campeão e vice campeão da época passada, vencendo o jogo por duas bola a zero. Paíto abriu o placar aos 35 minutos e Nino fez o resultado final mesmo em cima do minuto 90.

 

Confira os resultados da 2ª jornada:

Ferroviário da Beira 0 – 0 Desportivo

Costa do Sol 0 – 3 Maxaquene

Incomáti 2 – 0 Chingale

Liga Muçulmana 3 – 1 Matchedje

HCB Songo 1 – 0 Vilankulos FC

Ferroviário de Maputo 3 -1 Atlético Muçulmano

Ferroviário de Nampula 5 – 2 Sporting da Beira

CLASSIFICAÇÃO

td p { margin-bottom: 0cm; }p { margin-bottom: 0.21cm; }

EQUIPAS

J

V

E

D

GOLOS

PONTOS

Maxaquene

2

2

0

0

5

1

6

Incomáti

2

2

0

0

4

1

6

Liga Muçulmana

2

2

0

0

4

1

6

HCB Songo

2

1

1

0

1

0

4

Desportivo

2

1

1

0

1

0

4

Ferroviário de Nampula

2

1

0

1

5

3

3

Ferroviário de Maputo

2

1

1

1

3

2

3

Chingale

2

1

0

1

1

2

3

Sporting da Beira

2

1

0

1

3

5

3

Ferroviário de Beira

2

0

1

1

1

2

1

Atlético Muçulmano

2

0

1

1

1

3

1

Matchedje

2

0

0

2

2

5

0

Vilankulo FC

2

0

0

2

0

2

0

Costa do Sol

2

0

0

2

0

4

0

 

Próxima Jornada:

Ferroviário da Beira vs Costa do Sol

Maxaquene vs Incomati

Matchedje vs HCB

Vilankulos FC vs Ferroviário de Maputo

Atlético Muçulmano vs Ferroviário de Nampula

Desportivo vs Sporting da Beira

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!