Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambique possui 40 bibliotecas pública para seis milhões de alunos

Em Moçambique existem apenas 40 bibliotecas públicas para cerca de seis milhões de estudantes, um número bastante insignificante para satisfazer às necessidades de leitura e aprendizagem, bem como de pesquisa, o que afecta negativamente o processo de instrução nos diferentes níveis, revelou Jorge Jairoce, docente da Universidade Eduardo Mondlane (UEM).

O pedagogo dissertava na última sexta-feira (30) em Maputo sobre o tema “bibliotecas públicas, memórias e educação”, tendo realçado que, aliado ao problema por ele apresentado, o acervo bibliográfico moçambicano está desactualizado, há fraca ou quase inexistente expansão das bibliotecas pelo país, não há informatização do mesmo acervo e os funcionários não estão formados sobre as actividades que desempenham.

Jorge Jairoce disse, também, que há fraca pesquisa da área e o atendimento nas bibliotecas é deficiente; por isso, urge introduzir reformas com vista a transformar a biblioteca num meio de promoção do conhecimento e desenvolvimento do espirito de cidadania. As bibliotecas devem ir ao encontro dos alunos, deve incluir-se a componente cultural e o Governo deve evitarecursos humanos desqualificados.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!