Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Milhares de civis precisam de ajuda humanitária no Sudão do Sul, segundo a ONU

As Nações Unidas exprimiram a sua profunda preocupação face à situação de milhares de civis no Sudão do Sul que precisam de protecção e assistência humanitária.

«Estou profundamente preocupado com a situação humanitária no Estado de Jonglei, onde milhares de civis precisam de protecção e assistência, e onde os trabalhadores humanitários trataram mais de 450 pessoas, das quais várias crianças, desde Fevereiro último», declarou o coordenador humanitário das Nações Unidas no Sudão do Sul, Toby Lanzer, num comunicado transmitido, Terça-feira, à PANA em Cartum.

Segundo Lanzer, várias casas foram incendiadas e bens pertencentes a civis destruídos, para além de infraestruturas tais como escolas e centros de saúde assaltadas, pilhadas e ocupadas por grupos armados. Durante a semana passada, as hostilidades em Maruwa Hills, no condado de Pibor, obrigaram numerosos civis a fugir das suas casas e as agências humanitárias a transferir o seu pessoal.

«Exorto todas as partes interessadas a respeitar as suas obrigações que resultam do Direito Internacional e nacional, a velar para que os civis não sejam vítimas das hostilidades em curso, e a permitir a todos os feridos o acesso a cuidados médicos», disse o responsável onusino.

Segundo ele, as pessoas deslocadas pelas hostilidades afirmaram que queriam regressar às suas casas, particularmente durante a estação das chuvas onde várias zonas rurais estão inundadas.

As agências pré-posicionaram a ajuda em todo o Estado e estão prontas para ajudar as pessoas afectadas pelas hostilidades, garantiu Lanzer, antes de acrescentar que já foram assistidas mais de 23 mil pessoas na localidade de Akobo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!