Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Poule Moçambola 2015: 1º de Maio de Quelimane garante apuramento; Matchedje em vantagem na finalíssima

A formação do Matchedje derrotou no pretérito sábado (25) o ENH de Inhambane por um a zero em jogo da primeira mão da finalíssima de acesso ao Moçambola do próximo ano a nível da zona sul. O golo dos militares foi marcado por Momed na etapa complementar. Na zona centro, o 1º de Maio de Quelimane garantiu o apuramento ao Campeonato Nacional de Futebol de 2015 após vencer o Textáfrica de Chimoio, na marcação das grandes penalidades, por 5 a 4.

Foi uma partida em que a equipa orientada por Alcides Chambal entrou com claras intenções de marcar logo nos primeiros instantes face a uma turma do ENH optou por defender para não sofrer golos uma vez que o segundo jogo será no seu reduto.

Apesar da avalanche ofensiva, o Matchedje não conseguia penetrar na muralha defensiva montada por Eurico da Conceição, técnico da formação de Inhambane, por culpa dos seus avançados eram perdulários no último terço de terreno.

À passagem do minuto 17, os militares beneficiaram de uma flagrante oportunidade para inaugural o marcador. Na sequência de um livre a entrada da área a castigar uma falta de um defesa do ENH sobre Loló, Emanuel rematou de forma soberba mas Abdul com uma excelente defesa desvia a bola da sua baliza. Os dois conjuntos saíram ao intervalo empatados a zero.

No reatamento, Alcides Chambal operou uma substituição na sua equipa, fez entrar Momed no lugar do apagado Chico. Tal com aconteceu na primeira etapa, os militares continuavam na mó de cima. Por seu turno, o ENH continuava com o seu esquema defensivo com o objectivo de não sofrer golos para resolver a eliminatória na partida da segunda em Vilankulos.

O Matchedje chegaria ao golo aos 52 minutos. Loló ganhou a bola na zona intermediária, subiu até a linha de fundo e cruza para a grande área onde estava Momed que, sem marcação, rematou sem hipóteses defesa para o desamparado Abdul.

Em desvantagem, a formação forasteira foi obrigada a correr atras do prejuízo, o que decerto tornou a partida mais animada. Os militares lutavam para dilatar a vantagem, enquanto o ENH atacava a busca do golo da igualdade.

Antes do final do tempo regulamentar as duas formações criaram varias oportunidades para chegar ao golo, mas o resultado manteve-se até o final da partida. Resultado que coloca a formação de Alcides Chambal com um pé no Campeonato Nacional de Futebol do próximo ano.

Zambézia terá duas equipas no Moçambola 2015

A província da Zambézia terá dois representantes no Campeonato Nacional de Futebol do próximo ano. Depois do Ferroviário de Quelimane ter garantido a manutenção na presente edição do Moçambola, o 1º de Maio, também de Quelimane, garantiu um lugar na fina-flor do futebol nacional após vencer o Textáfrica de Chimoio por 5 a 4 na marcação na marcação das grandes penalidades.

Mesmo com o prémio de 35 mil meticais fixados pela direcçao dos fabris do planalto de Chimoio como recompensa no caso do apuramento ao Moçambola, a equipa de Mussa Osman não conseguiu superar a formação de Quelimane no final do tempo regulamentar, o que fez com que o vencedor da Poule de Apuramento da zona centro do país fosse conhecido na lotaria das grandes penalidades.

Recorde-se que o Textáfrica foi o primeiro campeão nacional de futebol, por ter conquistado o primeiro Campeonato Nacional realizado apos a independência no longínquo ano de 1976 e foi despromovido para os quarteirões em 2009.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!