Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Malawiana mata compatriota por dívida de 11 mil meticais em Niassa

Uma vendedora ambulante que responde pelo nome de Josefa Banda, de 40 anos de idade e de nacionalidade malawiana, pôs termo à vida da sua compatriota por causa de uma disputa de 11 mil meticais.

Segundo o jornal Diário de Moçambique, que cita Sizi Panguene, porta-voz do comando provincial da PRM no Niassa, o caso aconteceu no povoado de Muita, arredores da vila fronteiriço de Mandimba, passada Terça-feira (31), quando a vítima,  depois de uma jornada laboral, encontrava-se a dormir, numa residência que ambas alugavam naquele povoado.

O instrumento usado por Josefa Banda foi uma catana, com a qual ela desferiu vários golpes na compatriota até sucumbir no local.

Panguene explicou ainda que ambas eram vendedoras ambulantes e que a criminosa já se encontra nas mãos da Polícia.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!