Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Libertado número dois do partido da opositora birmanesa Aung San Suu Kyi

O número dois da Liga Nacional pela Democracia (LND), partido da opositora birmanesa Aung San Suu Kyi, foi libertado este sábado, após sete anos de prisão, constatou a AFP. Tin Oo, um general reformado de 83 anos, havia sido preso em maio de 2003 junto com a dissidente prêmio Nobel da Paz.

Na semana passada, a LND havia indicado que Tin Oo poderia ser libertado neste sábado e que este estava disposto a retomar suas atividades políticas. “As autoridades me informaram que haviam retirado a ordem que me mantinha em prisão domiciliar”, indicou Tin Oo aos jornalistas, diante de sua casa em Yangun, alguns minutos depois de ter sido informado pela Polícia de sua libertação.

O vice-presidente da LND foi detido em 2003 junto com Aung San Suu Kyi, depois que seu comboio foi atacado por milicianos partidários da junta militar no norte do país. Depois de vários meses de detenção na prisão de Kale, em Sagaing (centro), Tin Oo foi colocado em prisão domiciliar sem direito a julgamento, de acordo com uma lei de repressão à subversão política.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!