Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Kuweitianos invadem assembleia e exigem renúncia do primeiro do ministro

Dezenas de kuweitianos invadiram por alguns momentos o prédio do Parlamento do Kuweit na noite desta quarta-feira, enquanto outras centenas protestavam no lado de fora exigindo a renúncia do primeiro-ministro, xeique Nasser al-Mohammad al-Sabah, disseram testemunhas e a mídia local.

Eles disseram que entre os manifestantes que forçaram a entrada no local estavam deputados da oposição que estavam em meio a centenas de outras pessoas protestando fora do Parlamento toda semana exigindo a saída de Nasser, acusado de corrupção pelo grupo. “As pessoas querem derrubar o chefe (do governo)”, gritava a multidão, na medida em que os manifestates que entraram no Parlamento saíam para se juntar ao povo. Os cânticos ecoaram gritos feitos por manifestantes no Egito, que em fevereiro forçaram Hosni Mubarak a se demitir depois de três décadas como presidente.

O Kuweit escapou dos protestos em massa que derrubaram Mubarak e Zine al-Abedine Ben Ali, da Tunísia, graças a um sistema de previdência generoso. Mas o Estado árabe do Golfo enfrentou um longo impasse político e a oposição aumentou a pressão contra o xeique Nasser, um influente membro da família governante. Alguns veículos de comunicação do Kuweit e testemunhas disseram que a polícia de choque bateu em manifestantes enquanto se reuniam fora do Parlamento.

Um correspondente da Reuters viu ambulâncias na área, mas não estava imediatamente claro se alguém tinha sido ferido. Em maio, dois deputados tentaram investigar Nasser sobre um suposto desvio de fundos públicos, acusação que ele nega. O pedido veio dias depois de ele ter anunciado seu sétimo gabinete. O gabinete anterior foi dissolvido em março para evitar uma investigação parlamentar de três ministros.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!