Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Já há detidos em conexão com explosão na Sommershield

A Polícia moçambicana (PRM) diz que já há detidos suspeitos de envolvimento na explosão ocorrida no passado dia 30 de Março, na Avenida do Zimbabwe, no bairro nobre da Sommershield, na cidade de Maputo. Entretanto, a corporação não avança detalhes relativos ao número de detidos, referindo apenas que se trata de cidadãos nacionais.

O porta-voz do Comando Geral da PRM, Pedro Cossa, disse, hoje, no briefing semanal a jornalistas, que as investigações prosseguem para apurar as causas e circunstância da ocorrência da explosão. “Já há detenções e a investigação prossegue, mas não posso adiantar mais detalhes do que aconteceu. O processo prossegue e está em instrução preparatória. Os suspeitos que se encontram detidos são moçambicanos”, declarou.

A explosão, que se registou num motociclo estacionado a frente de uma residência, causou ferimentos a três cidadãos moçambicanos que passavam pelo local na altura. O referido motociclo vinha sendo estacionado regularmente naquele local há cerca de 10 dias por um cidadão ainda não identificado e de raça branca.

Enquanto prosseguem as investigações, as especulações em torno desta explosão se mantêm: enquanto uns consideram tratar-se de um atentado, para outros este incidente resulta de um curtocircuito na instalação eléctrica que dá acesso ao combustível do motociclo, entre outras.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!