Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Intelectuais cubanos lamentam morte de Saramago

Intelectuais cubanos lamentaram esta sexta-feira a morte do Prêmio Nobel de Literatura de 1998, o português José Saramago, a quem destacaram como “grande amigo” de Cuba e um escritor “comprometido” e “coerente” com sua ideologia. “Cuba perde um grande amigo e a literatura universal um exemplo de ética e de criatividade perene”, declarou à AFP o presidente da União de Escritores e Artistas de Cuba (UNEAC), o poeta e romancista Miguel Barnet.

Saramago, que faleceu esta sexta-feira aos 87 anos após uma longa doença, foi “um escritor dos necessitados e das mulheres e homens que, com devoção, se entregaram ao delírio e à imaginação”, acrescentou Barnet. Ao chorar a morte de seu amigo, Pablo Armando Fernández, Prêmio Nacional de Poesia, expressou que “permanecerá para sempre no mundo das letras”, já que “foi um ser exemplar”, “solidário e humano”.

“Tenho memórias muito boas de sua amizade e firmeza”, acrescentou. Para o romancista Leonardo Padura, o autor de “Ensaio sobre a cegueira” é um dos ícones das letras do século XX e do início do século XXI, um homem que “tinha tanta preocupação com a literatura como pelo contexto em que a criava, que era a vida, o mundo contemporâneo”. “Comprometido com ideais de esquerda, Saramago, sempre sem papas na língua e às vezes de modo contraditório, apoiou diversas causas a favor dos mais fracos e dos direitos humanos (…). Defendeu a revolução cubana”, destacou a rede de televisão local.

Saramago, que manteve amizade crítica com Cuba, visitou o país pela primeira vez em 1999 e voltou em 2005 para selar uma etapa de distanciamento político com Havana, motivado pela condenação, em 2003, de 75 dissidentes e a execução de três sequestradores de um barco que pretendiam emigrar para os Estados Unidos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!