Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Incêndio no Canadá chega ao sétimo dia, desalojados terão longa espera

Um incêndio florestal que atinge a região de areias betuminosas do Canadá continua a aumentar porém avançando para regiões distantes de áreas densamente povoadas, informou um bombeiro. O fogo, que começou no último domingo próximo à cidade de Fort McMurray, no nordeste do Estado de Alberta, espalhou-se rapidamente de modo que os 88 mil habitantes mal tiveram tempo de sair da cidade, que teve grande parte incinerada.

O fogo estaria seguindo para o sudeste, longe de Fort McMurray, em direção à província vizinha de Saskatchewan, segundo o oficial de bombeiro florestal Travis Fairweather, mas não era esperado para chegar à fronteira neste domingo. Embora houvessem comunidades próximas ao incêndio, elas não estariam no caminho do fogo, disse ele.

Ventos de até 60 quilómetros por hora assopravam as chamas, porém não há previsão de chuva e temperaturas mais frias até o final do dia.

“Ambas nos ajudariam muito”, disse ele. Durante sexta-feira e sábado, a polícia escoltou milhares de desabrigados que haviam sido forçados a seguir para o norte de Fort McMurray, retornando para a cidade em chamas para que possam ir para o sul para as principais cidades de Alberta. Na manhã deste domingo, um porta-voz da Polícia Montada do Canadá informou que o processo havia sido concluído.

De acordo com os oficiais, mesmo que o fogo tenha sido levado para fora de Fort McMurray, ainda seria muito perigoso entrar na cidade. Milhares de desalojados acampam em cidades próximas, com poucas chances de retornarem em breve, mesmo com suas casas intactas.

O fornecimento de gás da cidade foi interrompido, a rede de energia está danificada e a água não está mais própria para beber. O incêndio deve se tornar o desastre natural mais caro da história do Canadá.

Um analista estima perdas que poderiam exceder 9 biliões de dólares canadianos (7 biliões de dólares norte-americanos).

Fort McMurray é o centro da região de areias betuminosas do Canadá. Cerca de metade da produção de petróleo, ou um milhão de barris por dia, originada dessas areias foi interrompida desde de sexta-feira, de acordo com uma estimativa da Reuters.

Um comunicado do governo de Alberta emitido na noite de sábado informava que o fogo havia consumido 200.000 hectares (500.000 acres) – área correspondente à Cidade do México – e continuaria a crescer. Mais de 500 bombeiros estariam em Fort McMurray e redondezas, juntamente com 15 helicópteros, 14 aviões cisternas e outros 88 itens do equipamento, informaram as autoridades.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!