Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Hertha cai e deixa Berlim sem equipa no Campeonato Alemão

Num jogo tumultuado, o Hertha Berlin empatou, Terça-feira, com o Fortuna Duesseldorf e foi rebaixado à segunda divisão alemã, depois de perder o jogo da primeira volta da repesca, semana passada, em Berlim.

A partida foi interrompida duas vezes, por rojões e uma invasão de campo. Anis Ben-Hatira, do Hertha, foi expulso na segunda parte.

Com esse resultado, Berlim volta a ser a única capital europeia importante sem um clube na sua respectiva primeira divisão. Foi o segundo rebaixamento do Hertha em três temporadas.

O resultado é também uma frustração para o veterano treinador Otto Rehhagel, de 73 anos, contratado em Fevereiro com a missão de evitar um desastre.

Maximilian Beister marcou o primeiro golo para a equipa da casa a 1 minuto do jogo, mas Ben-Hatira empatou de cabeça.

Com um homem a menos a partir dos 9 minutos da segunda parte, o Hertha sofreu o segundo golo, numa cabeçada de Ranisav Jovanovic, e os seus adeptos começaram a atirar rojões no relvado, levando à paralisação da partida.

O Hertha então partiu para o ataque e empatou aos 40 minutos, com um chute forte de Raffael de fora da área.

Os adeptos do Fortuna, pensando que o jogo havia acabado, invadiram o campo para celebrar, e a partida foi novamente interrompida por 20 minutos.

O Fortuna volta à primeira divisão alemã depois de 15 anos. O Eintracht Frankfurt e o Greuther Fuerth já haviam se classificado automaticamente para a divisão principal, ao passo que Kaiserslautern e Cologne já estavam rebaixados.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!