Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Há restrições no fornecimento da água potável na cidade de Nampula

O Fundo de Investimento e Património do Abastecimento de Água (FIPAG) na cidade Nampula, Norte de Moçambique, está a fornecer água com dificuldades aos munícipes das zonas cimento e periférica, embora se esperava que nesta época chuvosa a situação pudesse melhorar.

Há mais de uma semana que as torneiras de alguns bairros periféricos e da zona cimento da urbe, como é o caso de Mutava-Rex, concretamente, na Unidade Comunal Samora Machel, Namutequeliua, Piloto e Muhala, não pingam uma gota sequer do precioso líquido.

Alguns munícipes disseram à nossa Reportagem que o problema está a criar constrangimentos nas suas casas e na autarquia. Ângela de Castro, residente na Unidade Comunal Samora Machel, no bairro de Mutava-Rex, disse que quando a água jorra nas torneiras é das 23 às 02 horas de madrugada.

As pessoas são obrigadas a interromper o sono para encher os seus reservatórios. No mesmo bairro, o @Verdade entrevistou Noémia Ntimawaque. Disse que devido à falta de água as condições de higiene são precárias nalgumas famílias.

Outros residentes queixaram-se de estar a ser abastecidos com água turva e receiam que haja eclosão de doenças.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!