Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Guerra em Moçambique: guerrilheiros da Renamo retaliam e atacam Vila Sede de Muxúnguè

Os confrontos armados entre Forças Governamentais e guerrilheiros do partido Renamo chegaram nesta terça-feira até a Sede do Posto Administrativo de Muxúnguè. Segundo fontes em Muxúnguè os homens da Renamo avisaram que iriam atacar o quartel das Forças de Defesa e Segurança (FDS) na vila em retaliação a um ataque a sua base em Mangomonhe, durante a madrugada. Uma coluna de viaturas civis foi atacada na tarde desta terça-feira e há registo de pelo menos uma cidadã ferida.

São escassas as informações sobre os confrontos mas várias testemunhas civis relatam que houve troca de tiros nas proximidades do quartel das FDS o que levou muitos residentes, e os viajantes que aguardavam a coluna para o Sul do país, a fugirem na Vila Sede.

Temos indicação da existência de feridos contudo as comunicações terrestres para Mxúnguè estão mais condicionadas e as comunicações por via telefónica difíceis pois muitos cidadãos abandonaram a Vila.

Entretanto uma coluna de viaturas civis que partiu da região do rio Save, na tarde desta terça-feira, com escolta militar, foi atacada por homens armados, ao que tudo indica da Renamo, na Estrada Nacional nº1 entre o rio Ripembe e a Vila Sede de Muxúnguè. Temos a confirmação de que uma autocarro de transporte de passageiro foi alvo dos tiros e uma cidadã adulta ficou ferida.

 

CONFIRA OS INCIDENTES QUE TEMOS REGISTADOS DESDE O REINÍCIO DA GUERRA EM MOÇAMBIQUE

{jumi [*35]}

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!