Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governo japonês retira últimos técnicos em Fukushima após aumento da radiação

O governo do Japão retirou esta quarta-feira os últimos 50 técnicos que permaneciam trabalhando na central nuclear de Fukushima após um grande aumento do nível de radioatividade no local e o anúncio de um possível rompimento do vaso de confinamento do reator 3.

“Pouco depois das 10h locais (3h no horário de Maputo), os níveis (de radioatividade) subiram bruscamente” na entrada do complexo de Fukushima, disse o porta-voz do governo japonês Yukio Edano. Edano anunciou a saída dos funcionários que permanecia na central nuclear “para uma zona segura e de maneira temporária”. “O nível de radioatividade próximo da entrada do complexo varia muito de hora em hora, mas seguem sendo nocivos para a saúde”, disse o porta-voz.

A evacuação ocorreu após o governo anunciar que o vaso de confinamento do reator 3 está “parcialmente danificado”, enquanto a TV japonesa mostrava uma nuvem de fumaça branca sobre o complexo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!