Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governo estabelece limite máximo de 250% de taxa de lucros

Um novo regulamento aprovado pelo conselho de Ministros estabelece taxas limite de 120% a 250% de lucros para os retalhistas e grossistas, respectivamente, na comercialização de doze produtos considerados supérfluos.

Trata-se de tabaco, bebidas alcoólicas, artigos de adorno, entre outros, e os limites vão ser estabelecidos obedecendo esses parámetros pelo Ministério da Indústria e Comércio (MIC) que já está a trabalhar com a Associação Moçambicana de Comércio (AMC) e com a coordenação das Associações Económicas de Moçambique (CTA).

Fonte competente da CTA confirmou, segundo o Correio da manhã, que os agentes económicos da área abrangida pela medida participaram nas discussões com o MIC e concordaram com os limites estabelecidos, alegadamente porque “estão dentro do aceitável”. Os limites foram estabelecidos durante um estudo patrocinado pelo Fundo para o Ambiente do Negócio (FAN).

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!