Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governo de Mocuba injecta mais de três milhões de meticais em projectos de geração de renda

Mais de três milhões e setecentos mil meticais foram aplicados em 61 projectos de geração de renda familiar, tais como agricultura, comércio, criação de gado e indústria de moageiro, no princípio deste ano, no posto administrativo de Bajone, no distrito de Mocuba, na província da Zambézia. O montante foi desembolsado no âmbito do Fundo de Desenvolvimento Distrital (FDD), vulgo “sete milhões”.

Apesar da fraca devolução dos valores por parte dos mutuários, o governo de Bajone considera que a vida dos beneficiários está a mudar significativamente para o melhor. Tija Tomé, a chefe daquele posto administrativo, disse que, no ano passado, o executivo local financiou 35 projectos avaliados em 2.262.340 meticais. Deste montante, foram recuperados apenas 46.400 meticais.

Para inverter o cenário, foram criadas comissões de trabalho com vista a sensibilizar os mutuários a devolverem os fundos para que sejam alocados a outras pessoas. Na óptica de Tija Tomé, o fraco reembolso deve-se ao desvio de aplicação dos montantes. É que alguma pessoas pedem dinheiro para projectos de geração de renda mas aplicam na construção de casas com base em material convencional, na compra de motorizadas e de bicicletas.

Segundo Tija, apesar de não haver nenhuma penalização legalmente estabelecida para quem não devolve os montante de que beneficia, em algum momento determinados mutuários serão responsabilizados.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!