Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Fundo Comunitário de Investimento Agrícola e Ambiental aplica cerca de 9 milhões USD

O Fundo Comunitário de Investimento Agrícola e Ambiental – CAEF, está a aplicar cerca de 9 milhões de dólares norte americanos na construção de cinco mercados rurais.

As obras arrancaram na primeira quinzena de Junho último cujo o objectivo é de dinamizar o processo de comercialização agrícola dos pequenos produtores com olhos postos no aumento da renda familiar nesta parcela do país.

As infra-estruturas estarão implantadas nas localidades de Boroma, Mepinha, Guerissa, Muandiua e Chilomo, regiões com altas potencialidades agrícola.

De acordo com o facilitador distrital do Projecto de Desenvolvimento de Pequenos Produtores Orientados para o Mercado em Morrumbala, Paulo Brito, as obras que decorrem sem sobressaltos terão a duração de quatros meses.

Paulo Brito explicou que, fundamentalmente, pretende-se criar espaços físicos que possam unir os pequenos produtores durante a comercialização dos seus excedentes agrícolas.

No que tange ao escoamento de produtos agrícolas, de acordo com explicações do nosso interlocutor, recentemente o projecto procedeu a entrega, ao governo distrital, da ponte sobre o rio Licupa que liga a localidade de Boroma distrito de Morrumbala e o povoado de Longozi distrito de Mopeia.

A nossa fonte fez saber que no mesmo troço está previsto a construção de 10 aquedutos e uma ponteca sobre o rio Nhamigonane.

Tracção animal

Na perspectiva de racionalizar a mão-de-obra e aumento da área de cultivo um total de 7 micro projectos seleccionados e aprovados no ano passado pelo conselho consultivo distrital acabam de receber kits de instrumento para tracção animal.

Trata-se das associações Chiricufa, Chiribana, Mponha na localidade de Pinda, pupa e Monequera em Megaza sede, Nheesaci e Mululini no posto administrativo de Derre. O kit que comportam carroça, sachadores, semeadores, e charruas consumiu um milhões quinhentos e vinte e quatro mil meticais.

Refira-se que Morrumbala é um dos distritos produtivos desta província, mas a semelhança dos outros distritos, a produção toda é escoada para os países vizinhos com destaque para o Malawi.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!