Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ferroviário da Beira derrota União Desportiva e conquista o Moçambola de 2016

Ferroviário da Beira derrota União Desportiva e conquista o Moçambola de 2016

Foto do Ferroviário da BeiraPassados 35 anos o maior troféu do futebol moçambicano regressa ao Chiveve pela mão do Ferroviário da Beira que neste domingo(23) foi ao planalto do Songo vencer a União Desportiva de Songo e confirmar a conquista do Campeonato Nacional de futebol de 2016. Com uma jornada por disputar o 1º de Maio de Quelimane garantiu a sua manutenção impondo-se ao Estrela Vermelha de Maputo.

Habitual candidato ao título há várias época os “locomotivas” da Beira conseguiram enfim conquistar o Moçambola, que vão juntar às Taças de Moçambique que têm arrebatado. Um golo de Moniz, no minuto, foi suficiente para acabar de uma vez por todas com as esperanças da equipa treinada por Artur Semedo.

Começaram ao ataque os anfitriões, aproveitando o espaço que os “beirenses” lhes davam para jogar, afinal um empate servia os seus interesses, mas sem criar efectivamente jogadas de golo.

Em contra ataque a equipa de Aleixo Fumo começou a rondar a baliza de Swin mas teve uma contrariedade, à passagem do minuto 18 Mfiki teve de ser substituído por problemas físicos.

O povo diz “que há males que vêm para o bem” e a lesão permitiu a entrada de Moniz que poucos minutos de entrar para o relvado, no minuto 30, aproveitou uma desatenção dos defensores da União e não perdoou.

Aos “hidroeléctricos” que sempre dependeram de si voltaram a não estofo para serem campeão, somaram a quarta derrotada consecutiva em igual número de partidas, uma descida ao “inferno” que começou a traçada pelo Estrela Vermelha de Maputo.

“Trabalhadores” garantem manutenção

Ironicamente os “alaranjados” acabaram por não conseguir a manutenção no escalão maior do futebol após serem derrotados em Quelimane pelo 1º de Maio. Manudo e Rasta marcaram os golos da manutenção e da festa na província da Zambézia.

Destaque ainda, nesta penúltima jornada do Moçambola, para a goleada que os “guerreiros” de Chibuto impuseram ao Chingale de Tete. Cedric, Cristov e um bis de Chawa fizeram o resultado que mantém o representante da província de Gaza na 3ª posição.

Confira os resultados da 29º jornada:

Desportivo de Nacala 1-1 Ferroviário de Nacala

Chibuto FC 4-0 Chingale de Tete

ENH Vilanculos 0-0 Ferroviário de Maputo

Desportivo de Maputo 0-2 Ferroviário de Nampula

1° Maio de Quelimane 2-0 Estrela Vermelha de Maputo

Desportivo de Niassa 1-0 Maxaquene

Liga Desportiva de Maputo 2-0 Costa do Sol

União Desportiva de Songo 0-1 Ferroviário da Beira

 

Eis a classificação quando falta uma jornada por disputar:

CLUBES J V E D BM BS P
Ferroviário da Beira 29 17 7 5 38 20 58
União Desportiva de Songo 29 15 7 7 30 14 52
Chibuto FC 29 13 11 5 34 17 50
Liga Desportiva de Maputo 29 15 5 9 36 19 50
Ferroviário de Nampula 29 12 11 6 35 21 47
Ferroviário de Maputo 29 12 10 7 25 17 46
Maxaquene 29 11 9 9 28 26 42
Ferroviário de Nacala 29 9 13 7 20 21 40
Desportivo de Nacala 29 9 11 9 37 32 38
10º ENH de Vilankulo 29 9 10 10 21 26 37
11º Costa do Sol 29 9 8 12 30 33 35
11º Chingale de Tete 29 9 6 14 19 39 33
13º 1º de Maio de Quelimane 29 7 10 12 29 36 31
14º Estrela Vermelha de Maputo 29 5 12 12 26 35 27
15º Desportivo de Maputo 29 2 13 14 15 33 19
16º Desportivo de Niassa 29 3 7 19 11 45 16
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!