Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Farc decidem libertar o repórter francês, diz a Cruz Vermelha

O grupo de guerrilha colombiano Farc decidiu libertar o repórter francês sequestrado há duas semanas, apesar de não ter dado uma data para a sua libertação, afirmou uma autoridade da Cruz Vermelha, Domingo, citando um comunicado dos rebeldes.

Integrantes fortemente armados das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) sequestraram Romeo Langlois, um repórter do canal France 24, durante uma troca de tiros com tropas que realizavam uma incursão em Caquetá, um local de resistência dos rebeldes no sul.

“O Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV) recebeu um comunicado das Farc em que eles afirmam que decidiram libertar Romeo Langlois”, disse o oficial do CICV Daniel Muñoz aos repórteres.

Muñoz disse que a declaração não mencionava uma data para a libertação de Langlois, mas que as Farc pediram pela mediação dum comité formado por um enviado do governo francês, um representante do CICV e a activista e ex-senadora Piedad Córdoba para discutir com os rebeldes os termos da libertação do francês.

Muñoz disse que o CICV foi informado de que o repórter estava em bom estado de saúde, apesar de continuar com um ferimento no braço esquerdo sofrido quando ele foi sequestrado no dia 28 de Abril.

As Farc acusaram o governo colombiano, Segunda-feira, de manipular os jornalistas para moldar a opinião pública contra a guerrilha e pediram por um debate sobre liberdade de informação como condição para a libertação de Langlois.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!