Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Expansão do ensino superior está a dar frutos positivos

O desafio do governo de expandir o ensino superior através da criação de novas universidades públicas em todo o país está a dar frutos positivos, porquanto permitiu a descoberta de novas metodologias de ensino para uma melhor aprendizagem por parte dos estudantes, segundo o Primeiro Ministro, Aires Aly, ao intervir, em Nampula, no quadro das festividades que marcaram, sábado passado, o terceiro ano de fundação da Universidade Lúrio.

Segundo o Chefe do governo, o envolvimento dos estudantes com as comunidades no sentido de adquirir um melhor percepção dos seus hábitos em saúde, uma metodologia adoptada pela Universidade do Lúrio em Nampula e que mereceu já uma apreciação positiva de académicos de países desenvolvidos, designadamente dos Estados Unidos da América, tem o condão de despertar conhecimentos sobre formas de prevenção de várias doenças e a degradação do meio ambiente.

Na circunstância, Aires Aly apelou às restantes universidades públicas e privadas do país no sentido de adoptarem a metodologia de ensino usada pela UniLúrio e melhorar ainda mais nos aspectos passíveis, no intuito dotar as comunidades de normas destinadas a melhorar os padrões de vida. Referiu, ainda, que os investimentos que se estão a instalar, nos últimos tempos, no país em geral e, em particular, em Nampula, uma província em franco crescimento nos domínios social e económico, impõem a formação de quadros para dinamizar as oportunidades de desenvolvimento que se abrem, sobretudo no domínio do emprego e auto-emprego.

Aires Ali frisou que o governo está a investir na construção de novas infraestruturas hospitalares, entre os quais se destaca o Hospital Geral de Nacala- Porto, uma zona económica especial que tem como uma das características principais a mobilização de pessoas de culturas diferentes e com modos desiguais de interpretar os aspectos de prevenção e tratamento de doenças e cuidados para preservação do meio ambiente.

O Primeiro Ministro observou que a realização desse trabalho deve contar com graduados das instituições do ensino superior, cuja análise dos fenómenos vai reflectir o nível da qualidade de ensino ministrado pela respectiva universidade. As oportunidades de crescimento ao nível do país estão concentradas, maioritariamente, na região norte que vai precisar de mão de obra qualificada.

Por isso, aguardamos por vós, estudantes dos cursos de ciências médicas, em todas as províncias- disse o Chefe do executivo, a encerrar a sua intervenção.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!