Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Exército nigeriano diz ignorar cessar-fogo assinado entre seita Boko Haram e Governo

O Exército nigeriano desconhece o acordo de cessar-fogo a que terão chegado a seita islamita Boko Haram e o Governo Federal no início desta semana, noticiou esta sexta-feira o jornal Thisday.

O diário cita o porta-voz do Exército nigeriano, o brigadeiro Chris Olukolade, como tendo declarado que o Exército ainda não foi informado sobre este acordo de cessar-fogo. “Não estamos ao corrente de qualquer cessar-fogo”, insistiu o brigadeiro Olukolade relativamente ao acordo que o ministro encarregue das Missões Especiais, Tanimu Turaki, anunciou terça-feira última.

O jornal cita também uma fonte militar anónima que se interroga “se é assim que se assina um cessar-fogo”. “Eles não são sérios. Enganam-se a si próprios e estou certo de que este homem (o ministro) fala por si próprio. Não é desta forma que se assina um cessar-fogo. Não se pode assinar uma trégua sem envolver o Exército. Ele não pode enganar ninguém”, indignou-se.

Segundo o governante nigeriano, que dirige a Comissão Presidencial sobre o Diálogo e Resolução Pacífica dos Problemas de Segurança no norte do país, as duas partes chegaram a “um entendimento” que culminará num cessar-fogo numa data ulterior. Disse que a seita declarou unilateralmente o cessar-fogo nas vésperas do mês sagrado do Ramadão para os muçulmanos.

A Associação dos Cristãos da Nigéria (CAN) exprimiu dúvidas sobre este projeto de acordo. A Boko Haram, que significa a educação ocidental é um pecado, lançou a sua campanha de terrorr em 2009, pouco após a Polícia ter assassinado o então seu líder, Mohammed Yusuf. Dersde então, a seita islamita, que quer instaurar um Estado islâmico na Nigéria, já matou mais de três mil pessoas em ataques violentos e sangrentos, indica-se.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!