Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Estudo dos EUA prevê mais demanda por voos espaciais comerciais

Voos espaciais suborbitais devem movimentar entre 600 milhões e 1,6 bilhão de dólares na sua primeira década de operações, segundo um estudo encomendado pelos governos dos EUA e da Flórida, e divulgado, Quarta-feira (1).

O turismo responde por 80 por cento da demanda pelos voos suborbitais, que atingem cerca de 100 quilômetros acima da superfície do planeta antes de mergulharem de volta na atmosfera.

O emocionante passeio permite que os passageiros experimentem alguns segundos de flutuação na microgravidade, e que vejam a Terra contraposta à escuridão do espaço.

A Virgin Galactic, subsidiária do Virgin Group, do empresário Richard Branson, é uma das seis empresas que estão a desenvolver naves suborbitais reutilizáveis, segundo a análise feita pelo Tauri Group, da Virgínia.

Os preços aactualmente variam de 95 mil dólares (um voo na nave Lynx, de dois lugares, que está a ser desenvolvida pela XCOR Aerospace) a 200 mil (na nave SpaceShipTwo, de seis lugares, que está a ser testada pela Virgin Galactic).

A Virgin Galactic espera iniciar a operação comercial da nave em 2014, mas já recebeu 70 milhões de dólares pelas reservas feitas por 536 interessados, disse o presidente-executivo George Whitesides numa audiência parlamentar, Quarta-feira (1). O Tauri Group acredita que haja outros 7.500 ricos na fila de espera.

“A Nossa análise estima que cerca de 8.000 indivíduos com patrimnio líquido elevado espalhados pelo globo estejam suficientemente interessados e tenham padrões de consumo com possibilidades de resultar na aquisição de um voo suborbital – um terço deles dos Estados Unidos”, disse o relatório.

“Estimamos que cerca de 40 por cento da população interessada e com património líquido elevado, ou 3.600 indivíduos, irão voar dentro da previsão de dez anos.”

O estudo incluiu entrevistas com 200 pessoas donas dum património líquido superior a 5 milhões de dólares. Os consultores calcularam que esse sector, ainda incipiente, poderá movimentar 600 milhões de dólares na sua primeira década, com base nas atuais condições do mercado e no interesse despertado.

Mas esse mercado pode até triplicar caso haja mais esforços de marketing, e se o interesse dos consumidores crescer a partir dos primeiros voos bem sucedidos, disse o estudo.

“Um maior potencial pode ser realizado por meio de reduções de preços e de feitos imprevisíveis, como grandes descobertas de pesquisas, a identificação de novas aplicações comerciais, a emergência dum valor global de marca e novos usos governamentais (especialmente militares) para os veículos suborbitais reutilizáveis”, disse o estudo.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!