Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Enviado sírio diz que Assad não pode fazer parte do novo governo

O enviado internacional para a paz na Síria disse, esta Quarta-feira (9), que não vê o presidente sírio, Bashar al-Assad, a fazer parte de um governo de transição previsto por um plano de paz acordado pelas principais potências, ano passado.

“Certamente ele não seria membro daquele governo”, disse Lakhdar Brahimi à Reuters em entrevista no Cairo. Há 21 meses a Síria está tomada por um levante popular que opôs as forças de Assad e os rebeldes, que tentam derrubá-lo.

Mais cedo, em entrevista transmitida pela BBC, Brahimi disse que os sírios consideram que os 40 anos de domínio da família Assad sobre o país é um tempo longo demais, numa declaração que soa como um pedido directo para que Assad se afaste.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!