Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Em plena crise, um fundo de Abu Dhabi sai em resgate da Daimler

A montadora de automóveis alemã Daimler pode respirar aliviada: em plena crise, a chegada de um fundo de investimentos soberano de Abu Dhabi ao seu capital injeta dinheiro fresco na empresa e a protege de uma compra hostil, consideraram analistas nesta segunda-feira.

O fundo Aabar, controlado pela IPIC, propriedade do mais rico dos Emirados Árabes Unidos, concedeu 1,95 bilhão de euros à proprietária da marca Mercedes Benz e líder mundial em caminhões.

Em troca, será o maior acionista da Daimler, com 9,1% do capital, à frente do Kuwait (6,9%). “É um sinal claro para os mercados de que os investidores estão convencidos” de que estratégia, comemorou nesta segunda-feira o presidente da Daimler, Dieter Zetsche, em uma entrevista coletiva à imprensa conjunta em Stuttgart (sudoeste), sede da empresa.

Para a Daimler, o investimento é triplo: “Ganhamos um acionista de longo prazo, fortalecemos nossa solidez financeira (…) e ganhamos um sócio forte” para avançar em modelos limpos, sobretudo em carros elétricos, afirmou Zetsche.

Abu Dhabi busca diversificar seus investimentos para além do setor energético. O emirado já ganhou espaço antes na Alemanha: há alguns anos demonstrou interesse pela Volkswagen e o IPIC comprou recentemente 70% da filial de serviços industriais da MAN.

O porta-voz da Chancelaria alemã, Ulrich Wilhelm, saudou a compra como um “sinal positivo” para o setor automobilístico na Alemanha.

As vendas da Daimler desabaram no final do ano passado, com um prejuízo de mais de 1 bilhão de euros no último trimestre de 2008. Para 2009, a empresa já prevê uma queda nas vendas.

A Daimler não possui um grande acionista disposto a apoiá-la, com mais de três quartos do seu capital flutuante.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!