Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Publicidade

Dívida Pública Interna de Moçambique ultrapassa 148 biliões de Meticais… no início do mandato de Nyusi era de 69 milhões

Dívida Pública Interna de Moçambique ultrapassa 148 biliões de Meticais... no início do mandato de Nyusi era de 69 milhões

Durante os primeiros 3 meses de 2019, devido a emissão de Títulos do Tesouro e empréstimos do Governo junto do banco central, a Dívida Pública Interna ultrapassou a fasquia inédita de 148 biliões de Meticais. Quando Filipe Nyusi tornou-se Presidente de Moçambique essa dívida era de apenas 69,2 milhões de Meticais.

“No período de Janeiro a Março de 2019, foram emitidos Bilhetes de Tesouro no montante de 18 biliões de Meticais e amortizações no valor global de 18,1 biliões de Meticais”, revela o Relatório de Execução do Orçamento (REO) do Estado de Janeiro a Março de 2019.

O documento, a que o @Verdade teve acesso, indica ainda que durante o primeiro trimestre, foram emitidas Obrigações do Tesouro “no valor de 8,9 biliões de Meticais”.

O REO explica que: “Do montante das obrigações do Tesouro emitidas 3,6 biliões de Meticais foram para a titularização das Dividas aos Fornecedores com valores superiores a 60 milhões de Meticas e 5,4 biliões de Meticais para o financiamento do Défice Orçamental”.

Acrescem ao Stock da Dívida Interna 6,2 biliões de Meticais de adiantamentos que o Governo foi buscar ao Banco de Moçambique entre Janeiro e Março deste ano.

Relatório de Execução Orçamental Janeiro a Março de 2019

Oficialmente não é conhecido que percentagem do Produto Interno Bruto (PIB) corresponde a actual Dívida Interna, que não inclui os passivos bancários e com fornecedores que tem sido acumulado pelas centenas de Empresas Públicas deficitária e grande parte em situação de falência técnica.

Relatório de Execução Orçamental Janeiro a Março de 2019

No entanto um documento do Fundo Monetário Internacional a que o @Verdade teve acesso coloca em 19,2 por cento do PIB.

Custo da Dívida Pública Interna é o dobro do Orçamento da Agricultura e Desenvolvimento Rural

Recorde-se que quando Filipe Nyusi assumiu a Presidente de Moçambique a Dívida Pública Interna era de apenas 69,2 milhões de meticais e representava 6,5 por cento do Produto Interno Bruto.

Devido a esta espiral de endividamento tem aumentado o esforço dos moçambicanos para paga-la, este ano os juros que o Governo terá de pagar da Dívida Interna estão estimados em 24 biliões de Meticais. Em 2014, último ano da governação de Armando Guebuza, o serviço da Dívida Interna foi de 1,9 bilião de Meticais.

Relatório de Execução Orçamental Janeiro a Março de 2019

O custo da Dívida Pública Interna em 2019 é o dobro do Orçamento do Estado para o sector da Agricultura e Desenvolvimento Rural, tem uma alocação de 13,8 biliões de Meticais, e equipara-se ao orçamento para a Saúde, que tem uma alocação de 29,2 biliões de Meticais.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!