Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Diminui dependência externa na lapidação de minérios

Moçambique vai deixar de depender de outros países no processo de purificação de minerais explorados a partir da província de Nampula, facto que irá reduzir, consequentemente, as despesas avultadas no processsamento deste tipo de recurso.

Para o efeito, está previstoa, para finais do segundo semestre do ano em curso, a entrada em funcionamento de um Centro de Gemologia e Lapidação de minérios na província de Nampula. Wamphula Fax soube, ainda, que, com a entrada em funcionamento daquele equipamento adquirido no Brasil, em montantes não revelados, será possível concorrer com os preços praticados a nível internacional, sobretudo em relação aos minerais de qualidade.

Segundo fontes ligadas àquele empreendimento, Moçambique figura entre os países da África Austral detentor de minérios cujos valores de exportação eram penalizados em relação aos praticados a nível internacional. Entretanto, o governador de Nampula, Felismino Tocoli, que, quartafeira, efectuou uma visita de trabalho à direcção provincial dos Recursos Minerais, realçou a importância do centro de lapidação, considerando-o uma mais valia no incremento da arrecadação de receitas para os cofres do Estado, ao contrário do que acontecia anteriormente em que os minérios eram exportados em bruto para o mercado europeu.

Tocoli frisou ser urgente a formação de quadros especializados para o manuseamento da maquinaria, para além da elaboração de programas específicos direccionados ao desenvolvimento da primeira fase das actividades. Refira-se que a maquinaria pertence à direcção provincial dos Recursos Minerais e encontra-se instalada num dos edifícios daquela instituição, localizado no bairro urbano de Carrupeia, enquanto se aguarda pela chegada de técnicos abalizados para a sua operacionalização.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!