Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Dezenas de membros do partido do poder renunciam na Síria

Cerca de 30 membros do Bass, o partido do poder na Síria, renunciaram esta quarta-feira. A medida foi tomada em protesto contra a onda de violência que atinge o país desde que as manifestações pró-democracia começaram em 15 de março. Segundo um comunicado divulgado pelos 30 membros do Baas, a decisão de deixar o partido foi um protesto contra as práticas dos serviços de segurança sírios, principalmente na região de Banias.

Eles criticam as medidas “contrárias a todos os valores humanos e os slogans do partido”. Os membros do Baas também denunciam as agressões contra os habitantes de Baïda e o comportamento dos serviços de segurança que “provoca sentimentos de hostilidade entre os habitantes do país”. O

comunicado também critica a postura da imprensa síria que, segundo eles, fala de manifestantes mortos, feridos e torturados como se fossem gangues de criminosos armados.

A embaixadora da Síria na França, Lamia Shakkour, foi convocada nesta quarta-feira no Ministério das Relações Exteriores, segundo o porta-voz do governo francês, Bernard Valero. Ela será notificada da posição do país, que condenou oficialmente a escalada da repressão pelas autoridades sírias. Os embaixadores da Síria em Roma e Madri também foram simultaneamente convocados.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!