Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Detido falso Polícia em Maputo

A Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve um ex-militar que durante dois anos se fez passar por polícia e é acusado de ter extorquido vários indivíduos na via pública, na cidade de Maputo.

O indiciado foi desmobilizado das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) em 2015. Na altura, segundo as suas palavras, procurou emprego sem sucesso.

Ele contou igualmente que tentou ingressar na Escola de Formação Prática de Matalane, no distrito de Marracuene, província de Maputo, para seguir a carreira policial mas também não teve êxito.

Ao recordar-se de que ainda tinha o uniforme militar em casa, a cédula militar, as algemas, o rádio e o celular militares, encontrou uma forma de sobreviver prejudicando terceiros. Passou a interpelar pessoas na via pública, ameaçava e extorquia.

O suspeito alegou que andava com problemas financeiros e ao se envolver no mundo do crime pretendia arranjar dinheiro para suprir as suas necessidades. “É verdade, eu extorquia. Por vezes, apanhava ladrões de telemóveis e ameaçava prendê-los se não me subornassem. Eu actuava mais na área da 13a. esquadra”, onde “aos domingos havia muitos roubo devido à maior aglomeração de pessoas.”

O acusado disse igualmente que no seu bairro, por exemplo, os moradores o conheciam como agente da Polícia pois é assim como sempre se identificou. Por isso, em caso de problemas recorria-se a ele e, por sua vez, telefonava para a 12a. esquadra.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!