Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Desporto, saúde e música marcaram 20º aniversário da Cornelder de Moçambique

Desporto

Foto de Fim de SemanaA Cornelder de Moçambique, S.A (CdM), concessionária dos Terminais de Contentores e de Carga Geral do Porto da Beira, celebrou semana finda, na Cidade da Beira, o seu 20º aniversário tendo, para o efeito, sido realizadas diversas actividades de carácter social, desportivo e cultural.

As comemorações dos 20 anos da CdM tiveram o seu ponto mais alto no sábado, dia 27 de Outubro, com destaque para a 2ª Edição da Légua da Beira que contou com a participação de mais de 3.000 atletas de diversas categorias que percorreram o trajecto de cerca de 7.5 kms.

Esta Légua preparada ao mínimo pormenor e com padrões internacionais contemplou sete categorias em masculinos e femininos, nomeadamente: Federados, Populares, Veteranos, Estudantes, Trabalhadores da CdM, Hinterland e Comunidade Portuária.

De referir que a 2ª Légua da Beira contou com o suporte técnico da Associação Provincial de Atletismo de Sofala e assistência clínica da Faculdade de Ciências e Saúde da Universidade Católica de Moçambique.

Dado o sucesso e o impacto verificado na primeira edição realizada em 2017 e almejando que esta prova se torne de referência não só para a província de Sofala mas para Moçambique e para a região, decidiu-se investir num sistema de cronometragem eletrónica, facto que confere maior fiabilidade a prova. Paralelamente, decorreu no Largo dos CFM uma feira de saúde, no âmbito da 11ª edição da campanha “Porto Saudável”, um projecto da CdM na área de saúde que visa, essencialmente, promover sessões de consciencialização do HIV/SIDA. As cerca de 5.000 pessoas que aderiram à feira, realizaram testagens voluntárias em HIV/SIDA, tensão arterial, diabetes e consultas de oftalmologia.

No período da noite, a Direcção da CdM ofereceu um jantar aos seus clientes, parceiros e trabalhadores que contou com honrosa presença do Governador da Província de Sofala, Alberto Mondlane.

Na ocasião, Jan de Vries, Administrador Delegado da CdM, , dissertou sobre o historial da empresa, vincando que, ao longo das duas décadas de vigência do Acordo de Concessão, a CdM investiu de forma maciça no aumento da capacidade portuária e na melhoria da produtividade dos terminais sob sua gestão.

Referenciou que o Terminal de Contentores e Propósitos Múltiplos manuseou 219 Mil TEUs em 2017, um volume seis vezes maior que o de 1999; o Terminal de Carga Geral aumentou 5 vezes o seu volume de manuseamento, passando de 467 Mil toneladas métricas para 2.6 Milhões de toneladas métricas em 2017.

Sublinhou ainda que “com vista a responder ao forte crescimento, a CdM mais do que duplicou a sua força de trabalho, tendo criado 705 postos de trabalho permanentes, enquanto a mão-de-obra indirecta aumentou para mais que 5 mil postos de trabalho”.

Ressalvou ainda que ” a CdM foi distinguida várias vezes pelo Governo de Moçambique, pela sua contribuição fiscal e em 2012 e 2015 foi distinguido com o prémio da melhor empresa de Moçambique, pela prestigiada revista “As Cem Maiores Empresas”.

Para fechar a noite com a chave de ouro, teve lugar um grandioso concerto musical no Largo dos CFM, que ficou lotada com os mais de 10.000 convidados que tiveram a oportunidade de ver ao vivo prestigiadas bandas nacionais como os Djakas, Pablo Baptista, Banda Kakana e Mindo, que dividiram o mesmo palco com o conceituado músico zimbabwiano Jah Prayzah e sua banda.

A anteceder o evento cultural e desportivo do dia 27 de Outubro, na sexta-feira, dia 26 de Outubro nas instalações do Clube do Golfe da Beira, a CdM promoveu um torneio de golfe que contou com a participação de clientes nacionais e estrangeiros, parceiros e amantes da modalidade, tendo registado a participação recorde de 50 atletas.

No dia 23 de Outubro, nas instalações da CdM, teve ainda lugar o workshop designado Porto Rosa, sob o lema, “Juntos somos mais fortes na luta contra o cancro da mama”, uma iniciativa promovida no âmbito do projecto Porto Saudável, no âmbito da campanha mundial Outubro Rosa.

O workshop contou com a presença de colaboradoras da empresa e foi realizado em parceria com a Faculdade de Ciências e Saúde da Universidade Católica de Moçambique. A CdM promoveu ainda, na ocasião, uma campanha de doação de roupas e acessórios de beleza que serão, posteriormente, canalizados a mulheres que se encontram internadas no Hospital Central da Beira.

Também no dia 21 de Outubro, a CdM patrocinou o Torneio Internacional de Motocross e Moto 4, uma prova promovida pelo Motor Clube da Beira e que contou com a participação de 50 pilotos de Moçambique e do Zimbabwe.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!