Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Publicidade

Covid-19: explosão de infecções pelas províncias da Zambézia e Niassa. Pandemia mata mais três moçambicanos

coronavirus1603-nacional

Com a 2ª vaga da pandemia em desaceleração foram diagnosticados nesta terça-feira (16) centenas de novas infecções pela Província da Zambézia e dezenas pela Província do Niassa. O número de doentes nos covidários voltou a baixar mas a pandemia matou mais três moçambicanos.

O Ministério da Saúde actualizou para 732 o cumulativo de vítimas mortais da pandemia após a notificação de dois óbitos em pacientes infectados pelo novo coronavírus na Cidade de Maputo e um na Província da Zambézia. “Todos eram do sexo masculino e de nacionalidade moçambicana, cujas idades eram de 23, 60 e 70 anos. Os três óbitos foram declarados no dia 15/03/2021”.

Com estes óbitos, 19 altas hospitalares e onze novos internamentos baixou para 155 o número de doentes da pandemia actualmente nos Centros de Internamento de covid-19 e em outras Unidades Hospitalares.

Entretanto mais 287 testaram positivo para o SARS-CoV-2 – entre eles 279 moçambicanos e cinco estrangeiros -, todos em resultado de transmissões locais e elevaram para 64.929 o total de casos positivos registados em Moçambique desde Março de 2020.

O @Verdade descortinou que a maioria dos novos doentes foi detectada pela Província da Zambézia, ainda em resultado da última visita Presidencial, com 96 novos infectados na Cidade de Quelimane, 12 no Distrito de Morrumbala, seis no Distrito de Nicoadala, três no Município da Maganja da Costa, , três no Município de Alto Molócue, três no Distrito de Mopeia, dois no Distrito de Pebane, dois no Distrito de Inhassungedois no Distrito de Molumbo e um no Município de Mocuba.

O novo coronavírus também propagou-se pela Província do Niassa, 15 novos infectados foram diagnosticados na Cidade de Lichiga, nove no Distrito de Mandimba, sete no Município de Cuamba, três no Distrito de Mecanhelas, dois no Distrito de Chimbonila e um no Distrito de Ngauma.

Na Cidade de Maputo foram identificados 37 novos infectados no Distrito Municipal de KamPfumo, 15 no Distrito Municipal de Kanlhamanculo, sete no Distrito Municipal de Kamaxakeni e um no Distrito Municipal de Kamavota.

Outros surtos foram detectados com 19 infectados na Província de Maputo, 12 na Província de Cabo Delgado, onze na Província de Nampula, nove na Província de Manica, sete na Província de Inhambane e dois na Província de Tete.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!