Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Corte de Arbitragem de Haia reduz tamanho da região petrolífera sudanesa

A Corte Permanente de Arbitragem (CPA) de Haia reduziu esta quarta-feira a superfície da região petrolífera sudanesa de Abyei, reivindicada tanto pelo governo de Cartum como pela ex-rebelião do Sul, modificando as fronteiras que delimitam o norte e o leste.

“Confiamos que as partes executarão a sentença de boa fé”, declarou o presidente do tribunal da Corte Permanente de Arbitragem, Pierre Marie Dupuy. Em dezembro de 2008, o governo do Sudão e os ex-rebeldes do Movimento de Libertação do Povo do Sudão (SPLM) submeteram sua reclamação sobre as fronteiras da região a essa instância judicial.

Em maio de 2008, enfrentamentos armados nessa zona causaram mais de cem mortes. Ante o temor de novos combates depois da arbitragem de Haia, a ONU posicionou efetivos extras para a manutenção da paz na zona limítrofe entre o norte muçulmano e o sul majoritariamente cristão ou animista.

A violência pode colocar em perigo o Acordo de Paz Global (CPA), que as partes concluíram em 2005 depois de 20 anos de guerra civil.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!