Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

COI suprime o trajeto internacional da tocha olímpica

A comissão executiva do Comitê Olímpico Internacional (COI), reunida em Denver (EUA), decidiu suprimir o trajeto internacional da chama olímpica, que a partir de agora transcorrerá apenas no interior dos países organizadores do evento, anunciou nesta sexta-feira Gilbert Felli, diretor executivo do COI.

“Em 2004 (data do primeiro trajeto da chama olímpica fora das fronteiras do país organizador, Grécia), já havíamos pensado que seria melhor que a tocha ficasse dentro do país”, afirmou Felli à imprensa, em Paris. “Decidimos, depois do que aconteceu no ano passado, não repetir a experiência”, acrescentou. O trajeto da chama olímpica antes dos Jogos de Pequim, que começou um pouco depois da repressão chinesa no Tibete, deu lugar a inúmeras manifestações de opositores e muitos distúrbios. Os organizadores dos Jogos Olímpicos de Inverno de Vancouver, em 2010, e de Verão de Londres, em 2012, já decidiram organizar o trajeto no interior de suas fronteiras. O COI indicou que pedirá a Sotchi 2014 que faça o mesmo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!