Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cirurgia de fístula obstétrica abrange mais de 30 mulheres em Nampula

Trinta e oito mulheres de diferentes distritos da província de Nampula foram submetidas à cirurgia da fístula obstétrica. O grupo faz parte de cem mulheres já identificadas através de uma campanha de tratamento desta doença.

A iniciativa, coordenada pelo Ministério da Saúde, é implementada pela Direcção Provincial da Saúde da capital do Norte. Das cem mulheres, as que ainda não foram submetidas à cirurgia é que necessitam primeiro de tratamentos especiais.

Bernardo Leite Munarapa, cirurgião-geral do Hospital Central de Nampula (HCN) garantiu que as operações feitas às 38 mulheres ocorreram sem sobressaltos e as beneficiárias já podem regressar ao convívio familiar.

Na província de Nampula há um número elevado de adolescentes, jovens e idosos com problemas de fístula obstétrica, em particular os residentes das zonas costeiras, segundo Bernardo Munarapa.

Refira-se que as mulheres que padecem de fístula obstétrica são vítimas de discriminação nas comunidades. A doença resulta de partos inseguros realizados fora das maternidades e consiste na destruição da região localizada entre a vagina e o ânus ou a vagina e a bexiga.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!