Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cidadãos morrem atropelados em Cabo Delgado e Manica

Dois cidadãos, entre eles um agente da Polícia da República de Moçambique (PRM), foram atropelados mortalmente nas províncias de Cabo Delgado e Manica. Os dois motoristas colocaram-se em fuga, abandonando as vítimas sem vida na estrada.

O primeiro acidente de viação aconteceu na madrugada de sábado (01), na Estrada Nacional número 247 (EN247), no distrito de Macomia, na província de Cabo Delgado.

O automobilista, cujo nome e o meio circulante em que se fazia transportar não foram identificados, atropelou uma cidadã e abandonou-a sem vida, no meio duma faixa de rodagem.

O sinistro aconteceu a aproximadamente cinco quilómetros do posto administrativo de Chai, naquele distrito.

A cidadã, que respondia pelo nome de Amina Omar, foi achada por pessoas desconhecidas, as quais alertaram os parentes e a PRM sobre a ocorrência.

A malograda encontrou a morte numa zona completamente desabitada. Segundo as autoridades policiais, os familiares de Amina disseram que ela sofria de perturbações mentais e tinha desaparecido de casa há dois dias.

Na cidade de Chimoio, província de Manica, um gente da PRM foi igualmente atropelado mortalmente por um camião com a chapa de inscrição AA 810 SF, cujo motorista colocou-se em fuga.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!