Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cidadão sequestrado semana passada em Maputo é da Serra-Leoa

A Polícia da República de Moçambique (PRM) em Maputo diz que o cidadão sequestrado na última quinta-feira (16) ainda está no cativeiro. A vítima, de 72 anos de idade, é natural de Serra-Leoa e é proprietária de um armazém de venda de roupa usada.

Orlando Mudumane, porta-voz da PRM, disse que o rapto aconteceu por volta das 16h00, no bairro do Aeroporto “A”, na capital do país, e foi protagonizado por um grupo munido de armas de fogo que, segundo testemunhas, se introduziu no armazém do indivíduo em causa, onde ameaçou os funcionários para alcançar os seus intentos. As diligências continuam no sentido de identificar os autores do crime e resgatar a vítima.

Enquanto isso, entre 13 e 16 de Abril corrente, a PRM deteve, na 11ª esquadra, quatro indivíduos de nacionalidade vietnamita, com idades compreendidas entre 28 e 49 anos, surpreendidos no Aeroporto Internacional de Mavalane na posse de 5.4 quilogramas de cornos de rinoceronte, cuja proveniência não foi especificada.

Ainda no período em alusão, nas mesmas instalações, a Polícia apreendeu 17.4 quilogramas de efedrina abandonada numa mala por gente supostamente desconhecida.

Quarenta e três cidadãos, de diferentes nacionalidades, encontram-se presos nas celas da PRM em Maputo por falta de clareza na indicação dos motivos da sua vinda a Moçambique, local de hospedagem, meios de subsistência e por trazer consigo passaportes com vistos falsos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!