Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Chefe da Polícia argelina é assassinado

O diretor geral da Segurança Nacional argelina, Ali Tounsi, foi assassinado esta quinta-feira por um de seus colaboradores que abriu fogo contra ele durante uma reunião em seu gabinete na sede da Polícia em Argel, anunciou o Ministério argelino do Interior em um comunicado.

“A morte de Ali Tounsi ocorreu às 10h45 (06h45 de Brasília) durante uma reunião de trabalho na qual uma autoridade da Polícia, que aparentemente sofreu uma crise de demência, pegou sua arma e feriu mortalmente o coronel Ali Tounsi, e depois atirou contra si mesmo e se feriu gravemente”, ressalta o comunicado.

O ministério acrescentou que o autor do assassinato foi levado para um hospital e que uma investigação judicial foi aberta para “determinar as circunstâncias deste doloroso fato”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!