Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Chá da Zambézia na Europa e Estados Unidos da América

Uma média anual de cerca de 70 mil toneladas de quatro variedades de chá produzidas na província da Zambézia está a ser exportada para mercados da União Europeia (UE) e dos Estados Unidos da América (EUA) por camponeses daquela região membros da associação Grupo Gulamo.

A agremiação congrega cerca de 2300 membros e garante uma produção diária de cerca de 50 toneladas deste produto, segundo Lúcia Valesca, representante do pavilhão da Zambézia na 48.a edição da Feira Internacional de Maputo (FACIM) 2012 que terminou no dia 2 de Setembro em Ricatla, distrito de Marracuene, província de Maputo.

Sem, no entanto, revelar o volume de receitas provenien- tes da exportação do produto, Valesca limitou-se a dizer que “são bons milhões de meticais” que os camponeses têm como receita resultante da operação.

Indústria de plástico

Entretanto, uma unidade inndústria de produção de plástico deverá ser instalada até finais deste ano de 2012 na província da Zambézia, avaliada em cerca de três milhões de dólares norte-americanos, prevendo-se a criação de 62 novos postos laborais numa primeira fase.

Refira-se que a província da Zambézia prevê investir cerca de um bilião de dólares norte-americanos, em 2013, em obras de construção de novas infra-estruturas viárias para permitir acesso ao Porto de Quelimane, com capacidade de manusear 650 mil toneladas anuais de carga diversa.

Este volume de investimento irá representar um cresci- mento de cerca de 14,7% face ao aplicado no presente ano de 2012.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!