Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Caixa-preta de acidente da Air France é achada no mar

Uma das duas caixas-pretas do vôo 447 da Air France que caiu na costa brasileira em 2009 foi encontrada no mar após buscas em águas profundas, informaram os investigadores do caso no domingo, reavivando esperanças de que se possa finalmente explicar o que teria causado o acidente.

Os investigadores franceses disseram num comunicado que a caixa preta, com gravações de dados do vôo, tinha sido levada para o deck de um barco de buscas. Fotos publicadas no site do órgão francês BEA (Le Bureau d’Enquêtes et d’Analyses), responsável pela investigação de acidentes aéreos no país, mostram um objeto cilíndrico parcialmente enterrado na areia antes de ser levado para a superfície.

Funcionários do órgão francês disseram que era muito cedo para dizer se a caixa-preta, que guarda dados dos instrumentos do avião mas não das vozes dos pilotos, poderia trazer informações sobre a causa do acidente. “Uma coisa que está clara é que mesmo se a caixa não parecer danificada na foto, nós não podemos dizer se ela funciona até que a tenhamos aberto”, disse uma porta-voz da BEA à Reuters. “Isso requer um equipamento muito preciso e a análise só pode começar num laboratório de Paris”. Ela disse que robôs já tinham mergulhado novamente para vascular o chão do oceano Atlântico para procurar a segunda caixa-preta, que contém voz e sons gravados desde o cockpit.

A descoberta vem após anos de missões de resgate atuando em uma área marinha de 10.000 metros quadrados para tentar encontrar as duas caixas-pretas, que os investigadores acreditam, pode pôr fim às disputas sobre a causa do acidente.

O Airbus 330-203 caiu no Atlântico na costa do Nordeste brasileiro a caminho de Paris desde o Rio de Janeiro em junho de 2009, matando todos os 228 passageiros e a equipe de vôo, depois que o avião foi atingido por uma tormenta. “Este é um novo passo na investigação é muito significativo já que poderá fornecer informações adicionais sobre as causas do acidente, que permanecem em aberto até hoje”, disse o executivo-chefe da Air France, Pierre -Henri Gourgeon.

Especulações sobre o que causou o acidente do vôo 447 se concentraram na possibilidade de congelamento dos sensores de velocidade da aeronave, que pareciam dar leituras inconsistentes antes de que a comunicação fosse interrompida. A caixa-preta, que grava as conversas de cabine, poderia dar pistas vitais sobre os momentos finais do vôo.

A descoberta recente de pedaços dos destroços do avião, assim como o chassis do registro de vôo, reavivou as esperanças de se encontrar as caixas-pretas para explicar o que aconteceu. Dependendo das informações reveladas pela caixa-preta, advogados dizem que uma enxurrada de processos podem ser iniciados contra as companhias envolvidas. Qualquer nova conclusão sobre a causa do acidente também servirá para o processo judicial no qual a Airbus e a Air France foram colocadas sob investigação formal.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!