Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Bolsas europeias despencam após rebaixamento de Grécia e Portugal

As bolsas europeias registram fortes quedas esta terça-feira por conta de preocupações em relação à Grécia, cuja classificação de risco foi baixada em três degraus pela Standard & Poor’s. A agência também rebaixou a nota de Portugal.

A Bolsa de Paris caía 3,82%, ficando abaixo dos 3.900 pontos, em um dia de mercado financeiro inquietante. A Bolsa de Milão, por sua vez, caía 3,28%. Entre os índices que tiveram maiores baixas estão Intesa Sanpaolo (-5,66%), Unicredit (-4,40%) e Monte dei Paschi (-3,77%).

A agência de classificação de risco Standard & Poor’s rebaixou a nota da dívida soberana da Grécia para o nível especulativo, enquanto o país da zona do euro pediu aceleração na liberação do resgate bilionário que o ajudará a se manter solvente. A nota de longo prazo caiu de BBB+ para BB+ e seu rating de curto prazo foi de A-2 para B.

O rebaixamento significa que alguns investidores não poderão mais comprar títulos da dívida grega e também pode dificultar o acesso da Grécia aos recursos dos bancos centrais europeus. A S&P também reduziu em dois níveis a nota da dívida soberana de longo prazo de Portugal, de A+ para A-, advertindo que o país terá dificuldades para fazer frente a seu elevado endividamento.

A nota da dívida de curto prazo caiu de A-1 para A-2, informou comunicado da agência. A degradação da nota reflete os temores sobre a situação fiscal do país, e segundo as previsões da agência, “o governo português deverá lutar para estabilizar seu nível de elevado endividamento até 2013”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!