Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Bielarusia prende mais de 600 ativistas da oposição

As autoridades da Bielarusia prenderam na terça-feira mais de 600 ativistas de oposição, ignorando as críticas ocidentais à repressão policial depois da contestada reeleição do presidente Alexander Lukashenko. O Ministério do Interior disse que os ativistas devem passar 5 a 15 dias presos.

No domingo à noite, o país registrou um dos maiores protestos dos últimos anos contra o regime de Lukashenko. Líderes oposicionistas, inclusive pelo menos cinco candidatos na eleição, podem ser condenados a até 15 anos de prisão por incitação à violência.

Lukashenko, no poder desde 1994, foi reeleito para um quarto mandato, oficialmente recebendo quase 80 por cento dos votos. Ele prometeu impedir qualquer tentativa de “revolução”, e afirmou que não dará espaço à “democracia insensata” na ex-república soviética.

Partidos de oposição anunciaram uma “campanha de solidariedade” com os detidos, começando com um piquete realizado na terça-feira diante da prisão. “A ditadura uniu a oposição”, disse Vyacheslav Sivchik, líder do movimento oposicionista “Juntos”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!