Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

BCI mais robustecido para concessão de créditos

O Banco Comercial de Investimento (BCI) e a “Societé de Promotion et de Participation pour la Cooperation Economique (PROPARCO), filial da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), rubricaram esta quinta-feira dois importantes Acordos de financiamento que permitem ao BCI aumentar a sua capacidade de crédito às Pequenas e Médias Empresas (PME`s) moçambicanas.
Um dos Acordos preconiza um empréstimo de médio/longo prazo, no valor de 20 milhões de dólares, e um outro que define garantias que facilitam o acesso das PME‘s ao crédito no BCI.
A cerimónia de assinatura dos referidos Acordos teve lugar na sede do BCI, na capital, tendo sido rubricados pelo Presidente da Comissão Executiva desta instituição, Ibrahimo Ibrahimo, e pelo Director da AFD em Maputo, Bruno Leclerc, na presença do Embaixador da França em Moçambique, Christian Daziano. Estiveram também presentes vários quadros superiores de ambas as instituições.
Na ocasião, Ibrahimo Ibrahimo afirmou que “o BCI é um Banco universal de retalho fortemente comprometido com o desenvolvimento e com o estímulo aos empreendedores”, sublinhando que “é por isso que assumimos o compromisso de fazer bom uso desta confiança no cumprimento rigoroso das boas práticas internacionais e de transparência”.
Por seu turno, Bruno Leclerc realçou a importância da assinatura dos Acordos, referindo ser a primeira vez que a PROPARCO apoia um Banco. “A AFD intervém em Moçambique para apoiar as PME‘s, e esperamos continuar a participar em projectos de grande importância para a economia moçambicana”.

Capacidade de empréstimo

No final de Maio, o BCI e o IFC rubricaram um acordo de financiamento para permitir à primeira instituição aumentar a sua capacidade de empréstimo aos segmentos Banca de Retalho e
Pequenas e Médias Empresas em Moçambique. O empréstimo de longo prazo, no valor de 30 milhões de dólares, constitui o segundo investimento do IFC no BCI, depois de um primeiro investimento, em Setembro de 2008, no valor de 8,5 milhões de dólares, conjugado com o fornecimento de serviços de assistência técnica e apoio no desenvolvimento dos produtos e serviços do Banco.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!